sábado, 30 de julho de 2016

TARZAN NÃO FOI CRIADO POR GORILAS OU CHIMPANZÉS


Quem assistiu a versão de Tarzan em cartaz nos cinemas (que aliás é ótima) viu o "homem-macaco" sendo criado por gorilas. Em versões anteriores, o mesmo personagem foi criado por chimpanzés e um deles, a Chita, ficou mundialmente conhecida como sua "companheira inseparável". Pois bem... tá tudo errado e se vocês quiserem saber em detalhes por que basta acessar o link
http://ideiaseletiva.blogspot.com.br/2016/05/literatura-tarzan-nao-foi-criado-por.html onde o autor levantou dados desde o livro origial "Tarzan of the apes", de 1919. O estudo e conclusões são surpreendentes!!!! Não consegui tirar os olhos do texto do começo ao final!

Mas vou resumir aqui. Na versão original Tarzan é encontrado na floresta, ainda quando bebê, por um grupo de animais que não pertence a nenhuma espécie de grandes primatas (gorilas, chimpanzés ou orangotangos) conhecida ou catalogada até hoje. O livro dá detalhes do comportamento e aspecto físico desse grupo que parece mais uma espécie humana selvagem, talvez extinta, uma "elo perdido", capaz de falar, adepta de rituais, que caçava e comia animais e até praticava, eventualmente, canibalismo. Inclusive, esses selvagens que criaram Tarzan eram "inimigos dos gorilas" com os quais travavam grandes combates.


As características do grupo que "adotou" Tarzan não coincidem com gorilas nem com com chimpanzés. Gorilas são vegetarianos e não atacam animais de outras espécies a não ser para se defender e, ainda assim, não há nas florestas africanas animais "interessados" em confrontar gorilas. Devido ao tamanho e peso, eles também preferem andar no solo e não se locomovem pelo alto das árvores ou cipós. Pelo aspecto físico descrito, a família selvagem de Tarzan também não é de chimpanzés, bem menos robustos e mais baixos e cujo hábito de caçar é muito raro e discreto. Então Tarzan, segundo a história original, foi criado por uma espécie não conhecida pelo homem moderno e, como dito acima... talvez um "elo perdido".

O filme em cartaz nos cinemas é muito bonito, tem efeitos especiais fantásticos, cenários deslumbrantes e um novo Tarzan de dar gosto de ver. Mas, como as demais versões, também foge das informações do livro de 1919. É introduzida no roteiro uma tribo de aborígenes que até poderia ser a família de Tarzan, mas curiosamente essa tribo é "inimiga" do homem-macaco que, por sua vez, vive com os gorilas. Difícil saber se os personagens do livro não foram devidamente entendidos ou se apenas não foram "aprovados" pelos diretores de cinema. Incrível não ter uma só versão com o
roteiro verdadeiro.



TARZAN E CHITA MORREM AOS 80 ANOS

Em tempo....  vale lembrar que um dos mais marcantes Tarzans, dos filmes feitos entre as décadas de 30 e 40, Johnny Weissmuller, morreu aos 80 anos na casa onde vivia com sua sexta esposa. Sua companheira Chita (em inglês Cheetah), viveu até os 81 anos - entrou para o livro do Records como o chimpanzé mais velho do mundo. Mas Chita era macho e seu nome verdadeiro era Jiggs. passava os últimos anos de sua vida num santuário para animais na Flórida (EUA). Denny Miller, que assumiu o Tarzan a partir dos anos 50, também morreu aos 80 anos de idade em 1984. Ron Ely, o galã do seriado de Tarzan para a TV, já em versão color, tem 78 anos e há muito tempo afastou-se do cinema e TV.






quarta-feira, 27 de julho de 2016

OS BELOS GATOS QUIMERA


Essa é a Pantufa, uma gatinha brasileira quimera, embora não totalmente tomada pela mutação que deixa os felinos e outros animais ainda mais bonitos. Esse tipo de efeito no rosto, dando a impressão de duas faces distintas, ocorre em animais que possuem dois tipos de DNA. É raro em gatos e ainda mais em cães. Esse tipo de "beleza" ficou conhecida depois da intensa divulgação da gatinha Vênus (foto abaixo) nas redes sociais. Na época a mutação era tão desconhecida que a maioria das pessoas chegou a pensar que era "montagem". Reparem que Pantufa e Vênus possuem as mesmas cores distribuídas pelo corpo, mas a mutação em Vênus é mais acentuada.


Com a divulgação de Vênus outros casos foram pipocando. Vênus é um caso ainda mais raro por causa de uma segunda mutação: a heterocromia, popularmente conhecida como "olhos ímpares". Muitos gatos com olhos de duas cores não possuem problemas, mas vários deles apresentam surdez. Até um tempo atrás se pensava que os "olhos ímpares" eram exclusivos de gatos brancos, especialmente os peludos, mas hoje em dia é possível ver essa anomalia em gatos de qualquer raça e cor, incluindo gatos pretos.

quarta-feira, 6 de julho de 2016

NOVELA ÉPICA CINEMATOGRÁFICA COM ATOR DE TIRAR O FÔLEGO


Se ver o belíssimo Sidney Sampaio ou JOSUÉ debaixo de uma armadura não for motivo suficiente para assistir A Terra Prometida, posso assinalar mais alguns. Em primeiro lugar, não se trata de uma novela comum, no padrão que as emissoras produzem há décadas. É uma NOVELA ÉPICA CINEMATOGRÁFICA.  E isso em todos os sentidos: filmagens e efeitos típicos de cinema, cenário, roteiro, figurino, trilha sonora e uma atmosfera cinematográfica. Captei isso no primeiro capítulo que foi EXCELENTE... e olha, nem sou evangélica ou católica.

Aliás, algumas pessoas rejeitam a novela por acharem que ela é uma espécie de “pregação”, mas se enganam redondamente.  A Terra Prometida é como aqueles filmes épicos que muita gente adora ver no cinema. Tem os mesmos elementos. É claro que há uma mensagem clara sobre a fé em Deus... mas é o mesmo Deus de várias religiões, apenas descrito segundo o Velho Testamento. Mas acima disso é um RELATO HISTÓRICO DE CIVILIZAÇÕES ANTIGAS, de antes de Cristo.

Desde Os Dez Mandamentos, a gente aprende um pouco sobre a evolução do homem na face da Terra. O que vestia, comia, pensava, como agia, como era sua vida em sociedade, quais suas crenças... é uma aula de história “fascinante” todos os dias. Eu, por exemplo, não sabia que havia escravidão branca em meio aos reinados... venda até de escravos bebês e sequestro de pessoas brancas em meio ao deserto para serem escravizadas.


Outro ponto curioso é a grande quantidade de sacrifícios de animais em nome dos deuses, inclusive, do Deus apresentado na Bíblia e que é o Deus dos Evangélicos, Católicos e de outras religiões. Muitos animais tinham suas vidas constantemente sacrificadas... era uma prática muito comum e, ao contrário do que eu pensava, não era uma prática apenas de “pagãos”, como eram chamadas as pessoas que não acreditavam no Deus dos hebreus, naquela época.

Essas novelas que a Record vem produzindo são tão ricas de detalhes históricos... em arquitetura, figurino, penteados... é a história da humanidade sem omitir suas crueldades, desigualdades, lutas... é simplesmente fascinante ver tantos efeitos especiais para mostrar as pragas ou milagres concedidos por Deus. É CINEMA PURO!

MODA E BELEZA

Sabiamente, Josué foi poupado de um envelhecimento mais profundo. Apesar de ter passado tanto tempo no sol castigante do deserto como os demais guerreiros, ele ainda tem uma aparência jovem e hipnotizante. Ele declarou que esse é o papel mais importante de sua carreira... e está certo. E ele é PERFEITO para esse personagem. Está traçando sua carreira internacional. Não dá vontade de tirar os olhos dele. Aliás, a Record reuniu muitos belos atores e atrizes. Gisele Itiê foi esplêndida no papel de Zípora. Mas há várias atrizes lindas, inclusive na Terra Prometida.

É, inclusive, de se estranhar, que a moda de cabelo longo, no estilo dos guerreiros da época de Moisés e Josué, ainda não tenha tomado as ruas. E que os vestidos das mulheres daquele tempo não estejam direcionando as novas coleções da moda. Um desejo das pessoas de copiarem aquelas vestimentas e estilo de cabelo é provável dado o sucesso de público dessas novelas.



Na verdade, essas grandes produções só não estão passando a perna na novela das 9 da Globo por puro hábito da população. Assistir novela global das 9, com atores consagrados, é meio “cultural” – virou uma coisa “natural” passada de geração a geração enquanto a Globo era a única emissora capaz de reter excelentes atores e roteiristas. Novela das 9 e Jornal Nacional são ícones da TV brasileira e existe uma cultura muito forte de assistir esses dois programas alimentada durante décadas, pelo menos cinco décadas.

Falta exposição maior dos atores da Record

O ERRO da Record, nesse sentido, pode ser a pouca exposição de seus atores fora da novela. A Globo sempre levou seus atores e atrizes para os programas de auditório de maior audiência fazendo com que conquistassem ainda mais fãs e fama. A Record ainda insiste em colocar em seus programas de auditório ídolos do sertanejo, forró, funk e outros músicos bem populares.  Mas se os atores das novelas épicas fossem levados aos palcos dos programas da Xuxa, Gugu, Sabrina, Faro etc... certamente essa cultura de assistir a novela das 9 da Globo seria alterada.

Eu falei bastante da beleza e talento do Sidney Sampaio, mas é justo destacar também o talento de vários atores e atrizes... tem tanta gente boa nessas novelas da Record! E os “looks” cuidadosamente construídos são um show à parte.  Outra coisa bacana é que o Jornal da Record, logo após a novela, tem mostrado os locais por onde os hebreus passaram... a gente entra em contato com aquelas regiões, os destroços dos antigos reinos... é um complemento espetacular com muita informação pra gente entender melhor a saga de Moisés e Josué.


Então... se você têm algum preconceito em assistir as novelas da Record só porque é uma emissora evangélica, reveja seus conceitos e se dê a oportunidade de entrar num mundo nunca antes mostrado na TV dessa forma, com tanto profissionalismo e beleza.

segunda-feira, 4 de julho de 2016

Delegacia Virtual de Proteção Animal – AJUDE a APROVAR


O governador de SP tem apenas dez dias para aprovar (ou não) um projeto de lei que facilitará muito as denúncias de maus-tratos a animais e ainda colocará as polícias civil e militar no combate aos infratores. A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo aprovou, no dia 30, o projeto de lei de autoria do deputado Feliciano Filho (PSC-SP) que cria a DEPA - Delegacia Eletrônica de Proteção Animal no Estado de SP. Agora a decisão é do governador. Escrevam para ele com urgência e peçam a aprovação desse projeto. O email é http://www.saopaulo.sp.gov.br/sis/fale.php

Segundo Feliciano, trata-se de um portal dentro do site da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, ligado às Polícias Civil e Militar, no qual qualquer pessoa poderá fazer denúncias de maus-tratos aos animais, inclusive postando fotos e vídeos. Com a DEPA em pleno funcionamento, a Secretaria de Segurança Pública, terá até 10 dias para entrar em contato com quem fez a denúncia e informar o andamento da apuração – segundo o descritivo do projeto.

"A Delegacia Eletrônica proporcionará agilidade nas denúncias e nas averiguações de crimes contra animais, tais como: tráfico, comércio proibido, criação clandestina, abatedouros ilegais, empresas que fazem testes ilegais em animais, espancamento, abandono, atropelamento, negligência (animais sem água ou comida, com corrente curta etc), envenenamento ou qualquer outro ato previsto em lei e tipificado como crime. Essa lei criará um canal único no âmbito estadual que fará a distribuição online das ocorrências diretamente às delegacias mais próximas do local dos fatos”, explica o deputado.

Parece sonho, né? Coisa de primeiro mundo. Mas quem sabe não se consegue mais essa vitória de valor incalculável para a proteção animal? Na França, por exemplo, a polícia comum pode ser acionada para atender qualquer caso de maus-tratos a animais e pode, inclusive, adentrar em uma residência sem prévio mandato se perceber que algum animal está sendo maltratado ou corre risco de vida no local. No entanto, apesar desse procedimento louvável, na França ainda se sacrifica animais entregues nos abrigos públicos se não forem adotados em alguns dias. Um pé pra frente e outro pra trás.
 A gata Andrea resistiu à câmera de gás e freezer num abrigo municipal dos EUA. Uma funcionária se comoveu e a levou para casa. Andrea tem hoje facebook e muitos fãs

Nos Estados Unidos idem. Existem estudos seríssimos feitos pelo FBI que constataram que grande parte dos psicopatas ou criminosos violentos possuem antecedentes de maus-tratos a animais. Por isso, toda pessoa denunciada por crueldade contra animais é monitorada por ser considerada um perigo à sociedade como um todo e, geralmente, também perde o direito de ter novos animais. O FBI também está procurando implantar uma cultura de se tratar os crimes contra animais como crimes contra pessoas já que uma coisa pode levar à outra e, geralmente, leva mesmo.

Prova disso é que no Brasil existe pesquisa cuja constatação foi de que muitos sujeitos denunciados por agressão a animais também eram violentos em casa com suas esposas e filhos. Por trás de uma violência contra animais quase sempre há também violência doméstica. Mas voltando aos EUA, que como a França já avançou no quesito de proteção animal, vale ressaltar uma realidade que se contrapõe a qualquer avanço: várias cidades americanas continuam sacrificando cães e gatos em câmeras de gás – algo que no Brasil parece estar chegando ao fim.

O cão Quentin foi colocado duas vezes seguidas na câmera de gás e mesmo assim não morreu. Virou símbolo no combate a esse tipo de extermínio de cães de rua nos EUA

Muita gente deve ter vivido no tempo das temíveis “carrocinhas” que de forma brutal capturavam os animais de rua e de forma mais pavorosa ainda jogavam esses bichos em câmeras de gás. Vale lembrar que essas câmeras foram inspiradas nas mesmas câmeras em que os nazistas matavam os judeus – é o mesmo mecanismo. Foi também uma lei do Feliciano Filho que colocou um ponto final nesse quadro de horror. Se hoje em dia continua sendo difícil conseguir uma vida digna para os animais de rua ou abandonados nas ruas, imaginem naquele tempo das carrocinhas.

Alguns Estados ainda continuam sacrificando os animais recolhidos pelo CCZ, mas a maioria já aboliu essa prática abominável e tudo começou em SP. Que tal convidar França, Estados Unidos e outros países “desenvolvidos” para estagiarem aqui?

E por falar em CCZ, não percam!!!


No próximo sábado, dia 9 de julho, o “novo” CCZ de SP fará a “Virada Animal”, um megaevento com música, dança, diversão para as crianças, desfile de moda dos cães para adoção e barracas de comida. São mais de 300 animais esperando um lar, mas com um diferencial: agora as instalações são mais modernas e confortáveis. Há um centro veterinário no local e várias ações bacanas, como a cãominhada, promovidas por vários voluntários e funcionários. O CCZ SP mudou e a gente precisa manter esse padrão para que sirva de exemplo para outros lugares. E quando digo “a gente” me refiro a todos os protetores e simpatizantes, pois, como sabemos, muitas vezes, o que um prefeito faz, o seguinte desfaz... e o CCZ SP precisa do nosso apoio para que esse outro “avanço” permaneça em novas gestões do governo seja estadual ou municipal.

Um pouco de mim no tocante a esse assunto:
Fátima ChuEcco é jornalista especializada em proteção animal, autora dos livros “Mi-Au Book – Um livro pet-solidário” e “Mi-Au Book&Cia”, e participante das coletâneas “Somos Todos Animais, “Direitos dos Animais e Deveres dos Homens” e “Animais – Amigos Importantes”.

DIA MUNDIAL DO GUARDA FLORESTAL. Vamos cumprimentar os heróis que protegem os gorilas

Na foto estão as gorilas Ndakazi e Ndeze - sim elas ficam de pé como pessoas - e alguns dos guardas florestais da República Democrátic...