domingo, 5 de julho de 2020

OKJA: um belo filme em que bandidos na verdade são mocinhos


Gosta de animais... é vegano, vegetariano ou espera um dia ser? Então tenho uma dica pra você assistir no Netflix. É o filme "OKJA", do mesmo diretor de "Parasita", que venceu o último Oscar. O coreano Bong Joon-ho é também diretor de um filme que amo... que considero um dos melhores filmes sobre o futuro: O Expresso do Amanhã - que foi transformado em série que também está sendo exibida pelo Netflix.

OKJA é o nome de uma superporca fruto de uma manipulação genética que visa enriquecer ainda mais a indústria de carne. No entanto, para parecer que seu nascimento foi um acaso da natureza, ela é criada durante dez anos por uma menina e seu avô. A amizade entre a garotinha e Okja é muito intensa, mas as duas são bruscamente separadas quando a porca é levada para um evento nos EUA, promovido pela própria indústria que a criou e que pretende comercializar sua carne e de outras porcas igualmente manipuladas.

É nesse ponto que entra em cena a ALF -  Animal Libertation Front (Frente de Libertação Animal) com uma imagem positiva, mostrando que a conduta do grupo é salvar animais sem ferir pessoas. Muito interessante a abordagem sobre a ALF que tem vários membros presos ou respondendo processos por invasão de matadouros e libertação de animais criados para consumo ou para experimentação científica. Aliás, o ator Paul Dano é um charme à parte no papel de um dos ativistas. Steven Yeun, personagem de Walking Dead, também atua como ativista no filme.

Triste? Tem algumas cenas mais tensas, especialmente no final, dentro do matadouro, mas como tanto Okja quanto os demais animais não são de verdade, isto é, são animações, o impacto é menor. E o final é sensacional. O filme tem muita ação e emoção.

A gente torce do começo ao fim pelos "bandidos" do filme que, na verdade, para os amantes de animais, são os "mocinhos". Muito legal conhecer algumas estratégias da ALF. E aqui vai um pequeno spoiler para tranquilizar quem adora filme com animais, mas detesta que eles acabem mal: o final é feliz.

Veja o trailer:



Fátima ChuEcco
Jornalista/Escritora



Nenhum comentário:

Postar um comentário

DIA MUNDIAL DO GUARDA FLORESTAL. Vamos cumprimentar os heróis que protegem os gorilas

Na foto estão as gorilas Ndakazi e Ndeze - sim elas ficam de pé como pessoas - e alguns dos guardas florestais da República Democrátic...