quinta-feira, 8 de fevereiro de 2024

Elogiar faz bem! Críticas devem ser construtivas e nunca constrangedoras!


Algumas pessoas se orgulham de dizer tudo que pensam a respeito dos outros. Elas se defendem dizendo que são "sinceras". Sem dúvida a sinceridade, em vários casos, pode ser uma coisa boa, mas não se pode tratá-la como uma "virtude" se for usada para ferir ou prejudicar alguém. Algumas "palavras sinceras" são desnecessárias dado o seu efeito "devastador" e outras chegam a ser maliciosas em sua essência. 

A sinceridade maldosa, raivosa ou que fere e causa constrangimento não é algo bom. A sinceridade usada dessa forma não é qualidade, mas defeito.

Além disso, se for o caso de fazer uma crítica com a intenção de ajudar alguém a crescer, essa crítica nunca deve ter um teor que desestimule ou constranja uma pessoa diante de outras.

Quando queremos ajudar alguém e precisamos fazer uma crítica, digamos, negativa... essa crítica não pode ser feita como um "ataque" à personalidade, aparência, desempenho ou essência da pessoa. A crítica construtiva não expõe, não humilha, não constrange e nem agride com palavras.

A crítica construtiva, como o próprio nome diz... constrói e, inclusive, deve ser sempre acompanhada de algum comentário positivo, para que a pessoa sinta que vc quer o melhor para ela.

Isso vale para pais que queiram repreender os filhos, críticas entre amigos, entre colegas de trabalho e especialmente entre chefia e subordinados. O bom senso manda que nunca se deve chamar a atenção de alguém na frente de outras pessoas.

CUIDADO! Em ambiente de trabalho é crime constranger funcionário.

Por outro lado,  o elogio pode alegrar o dia de alguém! 

Então agora suponha que você cruze com uma amiga de infância e, embora perceba traços marcantes da idade, consiga enxergar algo que elogiar nela. Pode ser o penteado, a maquiagem, o brilho nos olhos, a elegância das vestimentas ou qualquer outra coisa. Você pode inclusive dizer que ela está ótima ou que a risada dela te faz recordar e saborear velhos tempos.

Mas se vc nada de bom tem a dizer (porque é incapaz de enxergar qualquer beleza ou graça nos outros), então contenha sua "sinceridade" cruel ao invés de "despejar" o que viu de feio ou errado nela.

LEMBRE: Às vezes falta só uma "faiscazinha" na vida de uma pessoa para ela se queimar inteira por dentro. Pode ser que aquela pessoa que você criticou de forma agressiva (e talvez até em público) esteja passando por uma fase muito difícil... desmoronando internamente por razões pessoais dela. 

Então eu pergunto: você prefere fazer um elogio e alegrar um pouquinho o dia dessa pessoa ou prefere ser sincero dizendo tudo de ruim que pensa ou enxerga em alguém?

Penso que há sempre motivos para fazer um elogio. Mas se você é incapaz de elogiar espontaneamente para abrir um sorriso no rosto de alguém... nesse caso... não seria melhor se calar?

AVISO: E para vc que se aborreceu com comentários maldosos ou agressivos, muitas vezes vindos de pessoas conhecidas ou queridas, entenda que quem age assim está muito infeliz, bombardeado por dentro e expelindo faíscas. Esse comportamento não é seu... não pertence a vc e nem deve fazer mal à vc. Isso pertence ao outro, então deixa que ele se resolva com o lado sombrio dele enquanto vc segue em paz consigo mesmo.

Texto: Fátima ChuEcco jornalista e escritora (trajetória ao lado direito do blog)




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo de Melancia! Saborosa e cheia de benefícios! Descubra o bem que ela faz!

Grandes pedaços chamam a atenção nas feiras livres. Pudera! A Melancia é a vedete da estação e faz tão bem pra saúde que devíamos comer o an...