domingo, 21 de janeiro de 2024

A louva-deus pode até rezar, mas nada tem de boazinha e pratica canibalismo


O louva-deus é lindo, não é mesmo? É também inofensivo.... para os humanos. Mas a fêmea dessa espécie simplesmente devora a cabeça do macho durante o acasalamento. Ela faz isso para garantir nutrientes aos filhotes, afinal, cada gestação pode ter até 150 ovos.

O nome dado a esse inseto se deve a sua posição arqueada (quando em repouso) e que lembra uma pessoa rezando. As espécies de louva-deus também lembram alienígenas tal qual vemos alguns exemplos em filmes de ficção científica.

Não é venenoso e aparentemente parece frágil, mas é um exímio predador. E corajoso, viu? Isso porque ele se aventura a caçar outros insetos, inclusive, maiores que ele prendendo-os fortemente entre suas pernas traseiras para devorá-los em instantes.

Tem como vantagem a camuflagem. Entre folhas e arbustos quase ninguém o nota, mas claro que também tem seus inimigos naturais. A fêmea pode viver até um ano se tiver sorte de não ser engolida por algum outro animal antes disso. Já o macho, como dito acima, tem vida-relâmpago morrendo logo no primeiro "encontro 💓". É a vida!

A foto foi tirada na África do Sul pela artista plástica Karina Polycarpo em seu próprio jardim cheio de outros bichinhos pequenos e minúsculos.

Texto: Fátima Chu🌎Ecco, jornalista e escritora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tempo de Melancia! Saborosa e cheia de benefícios! Descubra o bem que ela faz!

Grandes pedaços chamam a atenção nas feiras livres. Pudera! A Melancia é a vedete da estação e faz tão bem pra saúde que devíamos comer o an...